Três-nove-sete! Oiiiiii! Ele nem olha pra mim :(

http://g1.globo.com/profissao-reporter/noticia/2013/06/passageiros-e-motoristas-de-onibus-enfrentam-problemas-nas-cidades.html

A reportagem começa com o 397 passando vergonha em rede nacional. É o primeiro ônibus mostrado na reportagem, que começa por volta dos 60 segundos do vídeo 1. É exatamente aquilo que o vídeo mostra.

Esse ônibus passa na minha casa e no meu trabalho e eu não consigo viajar nele. 

Dona Aline participou de um movimento para tomar a concessão do 397 da Ocidental e entregá-la à outra empresa. Conseguimos. Os ônibus são novos e seguros, hoje. Só que não param mais nos pontos! Eu não posso pegar o Parador, tenho que cruzar a cidade no Expresso, que demora 50 minutos para passar. Para passar, não para parar. O tempo de espera é igual ao tempo de viagem!!! (nos bons dias, claro) Então eu saio da minha casa, pego aquele ônibus do post de ontem até o bairro vizinho e vou ao ponto final de outra linha. Com o Bilhete Único, pago uma passagem só. Antes do Bilhete Único, eu ia andando. Mas eu saio da Zona Oeste e vou para o Centro. Whisky ou água de coco, parador ou expresso, pra mim tanto faz. Quem desembarca ao longo da Avenida Brasil só pode usar o Parador. Eu tenho por onde fugir, muita gente não tem. 

Quando estou numa estação de trem, a coisa mais assombrosa é ver o trem parando na estação. O.o

 É ou não é um sistema de transporte esquizofrênico?

Anúncios

Um comentário sobre “Três-nove-sete! Oiiiiii! Ele nem olha pra mim :(

Os comentários estão desativados.