Móveis + Tacuba – Circo Voador, 07/03/2013

Senhora do Oriente para o cozinheiro:

– YAKISSOBA DE FLANGO! CAPLICHA!

Tinha 2 quilos de yakissoba no meu prato.

-*-*-*-*-

De acordo com o mapa do Rio de Janeiro no hostel, o Rio acaba no meu bairro. Eu já estava chatiada de dizer pra todo mundo que não sou turista, só trabalho no centro e moro na putaquepariu, tinha que dormir no centro mesmo.

-*-*-*-*-

Marcelo tomando banho no banheiro feminino sem se dar conta. Imagina se alguém pega e a gente perde o show prestando depoimento na delegacia de mulheres?

-*-*-*-*-

Marcelo para o segurança:

– Já pode entrar pro show de abertura do café tacuba?

– Dá o quê?

-*-*-*-*-

Inscrição na camisa de um carinha:

Tu eres um pendejo

(you are my friend)

-*-*-*-*-

Sendo assim por obrigação, um bem, meu bem é não

Sendo assim por obrigação, meu bem, um bem é mal

Sendo assim por obrigação, um bem, meu bem é não

Sendo assim por obrigação, meu bem

E meu joelho começa a doer na quarta música. Eu me rendo, no próximo show vou de faixa compressora nas juntas. Meu joelho já está fora do prazo de validade.

-*-*-*-*-

André, vocalista do móveis:

– Muito obrigada, Rio!

– MAIS UM MAIS UM MAIS UM

– Não tem condições de ter mais um…

– MAIS UM MAIS UM MAIS UM

– Eu quero ver o café tacuba!

Ih, é! Revi meus conceitos, não é legal  sua banda nacional favorita fazendo abertura pra sua banda internacional favorita. Você quer ver a principal mas não quer deixar a de abertura ir embora.

-*-*-*-*-

Temos que ir a mais um show do Móveis pra superar o número de shows do los hermanos que assistimos. Mas, gente, Los Hermanos, no auge (na época do Ventura), fez um show completo na Vila Vintém, quero ver barra essa!

-*-*-*-*-

Ruben:

– Que el Río de Janeiro se mantenga así bello, limpio!

Chegasse ele dois dias antes…

-*-*-*-*-

Rubén, treinando seus conhecimentos de portugués:

– catchassa? macoña? boceta?

platéia: síiii, tem tudo aqui!

-*-*-*-*-

(Rubén) oioioioioioi ingrataaaaaaaaaa

(platéia)

no me digas que me quieres

no me diga que me adoras que me amas que me extrañas

que yo no te creo nadaaaaaa

 

-*-*-*-*-

Los de la música música empiezan a sonar con la intención de poner a bailar,

y la gente se arrejunta y junta los cuerpos pa’ subir el calor!

E sai dançando feito doida!

De onde vocês acham que eu tirei o nome de El Sonidero para as playlists de música, os podcasts e, atualmente, as páginas musicais do G+? Es el sonido sonidero, pura sensación!

-*-*-*-*-

Ya chole chango chilango Que chafa chamba te chutas No checa andas de tacuche Y chale con la charola.

(marcelo, pra mim): canta agora!

ô, eu coloquei essa na playlist imposibles!

-*-*-*-*-

Final de show e o meu metabolismo já havia incinerado o yakissoba. Saímos em busca de comida. O pessoal do Móveis parou no boteco em que estávamos. Eu pedi um mega sanduíche de carne assada (NÃO estava gostoso). Marcelo pergunta ao garçom sobre os vinhos.

– Temos garrafa, meia garrafa e taça.

– Uma taça pra cada está bom.

(eu) MEIA GARRAFA!

E só meia porque tínhamos que trabalhar hoje…

-*-*-*-*-

Colega de trabalho ao me ouvir dizer que fui ver uma banda mexicana:

– Aquela famosa?

Pensando de quem ele poderia estar falando. Primeira opção (CLIQUE ACÁ). Não, não deve ser.

– Maná?

– É, já vi.

– Não, foi o café tacuba! Maná é horrível.

– É mesmo.

Eu e o Engenheiro Louco concordamos O.O

-*-*-*-*-

Dancei rock, salsa e bolero, pulei e cantei a plenos pulmões feito uma doida e cantei Eres olhando nos zoio do meu namoradão, com meus zoio cheio d’água.

Agora estou caçando as fotos na internet. Eu e Marcelo temos pouquíssimas, pois nós não nos adaptamos ao hábito de se assistir show ao vivo atrás de uma telinha. No meu telefone só tem uma do Móveis, fim de show. Fiquei com vergonha de tirar foto com eles na saída. O André tava lá conversando com os fãs e fazendo a resenha do show.

20130307_234813

 

Anúncios