Quantos livros você tem?

O Twitter do Skoob divulgou uma reportagem do Estado de São Paulo sobre a quantidade de livros que o estudante brasileiro possui em casa, em média. Apenas 1% dos brasileiros possuem mais de 500 livros.

Cheguei em casa e lembrei disso, contei por alto os que estão na estante do escritório, excluindo os didáticos, os técnicos, os de referência e aquelas pastas lá no alto cheias de (ai, meu Deus) livros que eu escrevi. Deu 62. Só?!?!?! 😦

Mas eu li muuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuito mais do que isso. No post Para Ler Mais eu expus minhas táticas de obtenção de livros. O leitor é um ímã de livros. Minhas amiguinhas na escola me emprestavam livros que pegavam em casa com um gosto! Talvez fosse curiosidade, “vamos ver quantos livros até o cérebro dela começar a derreter”. Não satisfeita em pegar emprestado os livros dos vizinhos das amigas que estudavam em outras escolas (o que me lembra que essa amiga e esse vizinho se casaram, oooooooh ♥), eu ainda atacava os livros dos colegas de séries acima e abaixo da minha. Certa vez uma amiga de mamãe ficou sem casa, morando de favor na casa do filho enquanto procurava um cantinho pra ela. Mamãe ofereceu nosso quarto de bagunças para que ela guardasse suas tralhas. Quando ela foi embora, me ofereceu alguns livros (o que me lembra que eu só li 2, Capitães da Areia e São Jorge dos Ilhéus, meu marido leu Tieta e os outros ainda estão no quarto de tralhas de mamãe, minha conta vai aumentar).

Não faço questão de ter os livros. O Skoob é maravilhoso porque nele cadastro os livros lidos, faço anotações de leitura (preciso anotar mais!), faço uma resenha e o livro está liberado para outra pessoa. O que ficou dele fica dentro de mim, não precisa ocupar espaço na estante (Aline, que espaço na estante? Não cabe mais um palito…). A leitura das notas e resenhas traz a história de volta. Claro que eu sei da importância de manter um acervo à disposição de minha filha, mas acho que ela vai ter que correr atrás de muita coisa, como eu corri. E nunca nos faltou coisa boa para ler. Bem, a compra de livros aqui em casa é praticamente só para ela e mesmo assim eu e o pai estamos lendo.

Ei, espere, eu não contei os ebooks 😀

Oh, wait n° 2: Filhote também já começou a “cometer” seus próprio livros 😀 😀 😀

Oh, wait n° 3 (esses parênteses são o que minha professora de história chamava de conversa paralela, eu não consigo evitar, não tenho coragem de apagar, sou prolixa de carteirinha).

Enviado poremail

Anúncios

3 comentários sobre “Quantos livros você tem?

  1. Eu tinha uma “estantona” em casa com muitos livros, mas mudei para apartamento menor e doei tudo para uma instituição. Mas acho que ainda tenho uns 100 ou mais em casa, queria doar mas a estes sou apegada, não consigo me desfazer. Uma estante cheia de livros arrumadinhos é lindo!! Mas quantos brasileiros tem condições de ter 500 livros em casa, tanto pelo $$$ como pelo espaço? No momento acho que livro tem mesmo que ser itinerante, tem que estar sempre sendo lindo, passado de mão em mão. Não sei se estou errada…

  2. Ron, a pilha do Pra ler é um problema… não sei você, mas eu sempre arranjo uma desculpa pra fazer um livro novo furar essa fila… Tô arrumando os ebooks, já tem mais de 180 \o/

    Mallory eu escrevi isso no twitter: já é difícil arranjar casa, quanto mais uma casa com espaço pra mais de 500 livros! Me pergunto até se as estruturas dos prédios suportariam se todos os moradores tivessem grande bibliotecas… No mais, eu concordo com você. Só não boto os meus pra fora, pra rodar, porque quero guardá-los para minha filha. Mas ela já começou a doar os livros que leu no fundamental 1. Guardamos apenas alguns de grande valor sentimental. Eu queria mesmo que a biblioteca municipal fosse ampla, bonita, bem iluminada, com sofás e puffs espalhados e ficasse dentro do shopping, funcionando aos fins de semana, abertas até no mínimo as 19h. E qua as meninas pudessem se reunir e conversar bastante (e bem alto) sobre os livrinhos delas, naquela algazarra gostosa que elas fazem. Isso não acabaria com as livrarias. Pelo menos não aqui no shopping do meu subúrbio, onde somos brindados com a total ausência de livrarias… Obrigada pela visita!

Os comentários estão desativados.