Tu que pensa, minha filha!

Quando, numa festinha familiar, contei que finalmente iria deixar a casa de mamãe, Tia Maria (tia da minha sogra), me disse:- Que bom, minha filha! Você vai ter a SUA casa! Sua mãe foi muito boa, sempre quis o melhor pra você, mas o casal tem que ter a sua casa. E lá você vai lavar louça quando quiser, vai lavar roupa se quiser… Sem ninguém te encher o saco! Porque a gente sabe, né… Enche o saco…

E eu cá com meus botões “ela me entende!”

Hoje, a meio caminho de me tornar uma máquina de lavar roupa-louça-chão-de-banheiro, estou desconfiada de que Tia Maria é a rainha do sarcasmo…

lava roupa todo dia... que agonia

P.S – Ri muito alto ao ler que a autora do Crônicas Urbanas, blog de onde saquei a imagem acima, deu nome à maquina de lavar 😀

P.S.2 – Eu tô curtindo paca meu período de dona de casa em tempo integral. Mas graças a Deus que são só 30 dias por ano!

Publicado via email

Anúncios