(Não) tô ligada no Bloglines

A situação do meu Bloglines hoje:

O mais ridículo é que eu insisto em marcar itens para ler depois…

Para que se tenha idéia da precariedade da situação: há itens não-lidos na pasta Williams!!!! OK, antes de capturar essa tela eu passei os olhos nas fotografias e os 44 itens caíram para 4. Eles estiveram em Moscou no domingo e eu só soube há 5 minutos!

Se eu tentar ler tudo isso no ônibus, no Smartphone, eu acabo com meus créditos antes que alguém roube meu celular de novo.

Mas não são só os feeds. Todo início de semana a ingênua aqui se programa para gravar, faço estruturas de podcasts, imagino tudo o que eu vou gravar… e escrever… e pagar, e tramitar, e autuar, e contabilizar, e explicar, e estudar, e ler, e os dias passam, e se acabam em viagens de 2 horas de pé no ônibus, conversas à mesa com a família, e a queda, exausta, à frente de qualquer besteira na TV, impossibilitada de pilotar um PC ou mesmo retomar a leitura. No último fim de semana eu realmente descansei, dediquei dois dias inteiros a brincar com minha filha, meu marido e o cachorrinho, que nós levamos para o apartamento.

Mas a segunda-feira chega e me assola com a quantidade de coisas a fazer.

Hoje está tudo mais tranqïlo. O diretor me liberou de algumas atividades, minha mesa está limpa.

Há uma luz no fim do túnel. Os grilhões estão prestes a se abrir. A partir de semana que vem estou de férias (o diretor me liberou daquilo que ele sabe que não há tempo de ensinar ao substituto…)

Carolina está de férias e Marcelo saiu do emprego. Eu tenho 20 dias pra tentar relaxar. Tá difícil.

Anúncios